Buscar
  • Mateus Cosac

Morning Call - 28/12/2018

A diferença de fuso horário entre São Paulo e NYC tem atrapalhado bastante os analistas de plantão. Ontem, para se ter uma ideia, quando o Ibovespa fechou em alta de 0,38% (18h de Brasília), as bolsas dos EUA (S&P, Dow e Nasdaq) caiam 2% em média e lá ainda eram 15h. Porém, os índices de ações por lá encerraram o dia em alta de 0,86%, 1,14% e 0,38% respectivamente S&P, Dow e Nasdaq. O real também mostrou força e encerrou o dia (3h antes dos EUA), com a melhor performance da cesta.

Lá fora, na aversão externa a riscos, investidores buscaram ativos considerados mais seguros, como Treasuries, cujas taxas despencaram, e ouro, que subiu. O petróleo, que recuava abaixo dos USD 45,00 por barril as 18h de Brasília, encerrou o dia por lá em alta de 2% aos USD 45,5 o barril, dando continuidade à volatilidade dos últimos dias.

Hoje, ultimo pregão de 2018, os ativos locais devem se ajustar ao fechamento de ontem de NY e à manhã calma do mercado global, com a maioria das moedas, commodities e bolsas europeias em alta e S&P futuro estável. No Brasil, BC interrompe série de leilões de linha e se ausenta do mercado na definição da Ptax de hoje, última do ano. Agenda traz dado de atividade de Chicago nos EUA. Aqui, saem IGP-M, que deve mostrar deflação mais profunda, desemprego, resultado fiscal, leilão da Ceal e bandeira tarifária. Onyx diz que Guedes quer déficit primário zero já em 2019.



Posts recentes

Ver tudo

Morning Call - 18/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos e médios dispararam e a curva perdeu a inclinação após o Copom adotar uma comunicação hawkish e deixar janela aberta para acelerar ritmo de alta da Selic, caso as expect

Morning Call - 17/06/2021

Ontem: A previsão de dirigentes do Fed de que os juros nos EUA podem ter dois aumentos até final de 2023 - um ritmo de aperto mais rápido do que o esperado - trouxe pressão aos ativos no exterior e no

Morning Call - 16/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos estenderam a alta, no aguardo de decisões do Fed e do Copom. O dólar virou para a queda no período da tarde, com fluxo vendedor e também na esteira da expectativa de alt