Buscar
  • Mateus Cosac

Morning Call - 26/05/2021

Ontem: Os juros futuros encerraram sessão regular em baixa expressiva, movimento que começou com IPCA-15 mais brando do que o esperado, sob forte efeito de deflação de passagens aéreas. Trajetória de queda das taxas ganhou ajuda do leilão do Tesouro com oferta maior concentrada em NTN-B curta. O Ibovespa caiu quase 1%, ao patamar de 122.000 pontos, distanciando-se de quedas mais amenas em NY, sob pressão de Vale e Petrobras, em reflexo de ações da China para conter a alta dos preços das commodities. Ações do Banco do Brasil cederam 1,3%, com mínimas atingidas ao final da tarde, após renúncia do presidente da Previ, José Maurício Pereira Coelho. Saída teria sido por pressões do Centrão, de acordo com o Globo. Dólar passou a subir à tarde, e real acompanhou uma penalizacão de moedas latino-americanas e da lira turca, enquanto outras divisas da cesta de emergentes se valorizavam. CCJ aprovou admissibilidade da reforma administrativa, que segue para análise de comissão especial antes de ir ao plenário da Câmara. Vice-presidente do Fed, Richard Clarida, reforçou observações de outros membros do BC dos EUA no sentido de pressões inflacionárias serem transitórias. Por aqui, Roberto Campos Neto, reiterou que a normalização parcial é adequada, mas que política pode mudar conforme o cenário. Segundo ele, expectativas de inflação estão subindo bastante.


Hoje: Mercado externo ensaia comportamento positivo, mas com variações modestas e não homogêneas. Futuros de ações de NY e moedas pares do real operam com leves ganhos e índice de commodities recupera perda de ontem, apesar da queda estendida do minério. Agenda externa fraca traz fala de Quarles, mais um membro do Fed, após outros dirigentes reiterarem nos últimos dias a mensagem de que a inflação ainda não é ameaça suficiente para obrigar a retirada dos estímulos. No Brasil, Campos Netos e Guedes voltam a falar. O presidente do BC manteve ontem a mensagem de que o ajuste em curso é parcial, mas pode mudar dependendo do cenário. Guedes, por sua vez, adicionou as eleições ao seu discurso otimista sobre reformas e PIB. Visão animadora do ministro será testada por nova rodada de dados, incluindo o Caged e conta corrente, ambos com estimativas de números fortes. Na bolsa, destaque é follow-on da Rede D’Or.


Bom dia a todos.

Posts recentes

Ver tudo

Morning Call - 18/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos e médios dispararam e a curva perdeu a inclinação após o Copom adotar uma comunicação hawkish e deixar janela aberta para acelerar ritmo de alta da Selic, caso as expect

Morning Call - 17/06/2021

Ontem: A previsão de dirigentes do Fed de que os juros nos EUA podem ter dois aumentos até final de 2023 - um ritmo de aperto mais rápido do que o esperado - trouxe pressão aos ativos no exterior e no

Morning Call - 16/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos estenderam a alta, no aguardo de decisões do Fed e do Copom. O dólar virou para a queda no período da tarde, com fluxo vendedor e também na esteira da expectativa de alt