Buscar
  • Mateus Cosac

Morning Call - 22/01/2021

Ontem: A defesa do candidato à presidência do Senado, Rodrigo Pacheco, de algum tipo de benefício social para combater os efeitos da pandemia levou o dólar às máximas no início da tarde e acelerou a alta dos juros futuros. A moeda subiu 1% ao final do dia depois de ter se aproximado de R$ 5,40 em meio ao temor com o aumento do gasto público. Juros futuros também subiram com volume maior de NTN-F em leilão do Tesouro, o que puxou também os contratos mais longos, até então sob alívio da postura mais hawkish do BC sobre a inflação. O Ibovespa amenizou a queda no final da tarde (1%), após baixa de mais de 1,5% mais cedo com preocupações de investidores com a vacinação no país. Notícia de que 2 milhões de doses de vacinas da AstraZeneca vindas da Índia chegam ao Brasil nesta sexta-feira e de esforços da Embaixada da China para avançar no embarque de insumos conferiram certo alívio ao índice. Em NY, S&P 500 apagou a alta após ter atingido recorde com otimismo por estímulos.


Hoje: Bolsas globais caem e futuros sinalizam que bolsas em NY vão recuar dos níveis recordes da sessão anterior com receios sobre bloqueios para conter números recordes do vírus. Preocupações com o impacto econômico da 2ª onda da pandemia esfriam o otimismo com vacinas e estímulos. No Brasil, impacto da ressurgência do vírus também está em foco com coletiva em São Paulo, que deve anunciar restrições. Vacinas podem ter alento em meio aos obstáculos com chegada de doses da Índia e reunião da Anvisa para avaliar 2º pedido sobre Coronavac. Com aproximação do desfecho das disputas no Congresso, mercado segue atento a pressões para estender o auxílio emergencial, que traria risco de agravamento fiscal e poderia potencializar chances de alta antecipada da Selic. Agenda econômica interna é vazia. Nos EUA, sai PMI e Yellen deve ter indicação discutida no Congresso.


Bom dia e bom final de semana a todos.

Posts recentes

Ver tudo

Morning Call - 18/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos e médios dispararam e a curva perdeu a inclinação após o Copom adotar uma comunicação hawkish e deixar janela aberta para acelerar ritmo de alta da Selic, caso as expect

Morning Call - 17/06/2021

Ontem: A previsão de dirigentes do Fed de que os juros nos EUA podem ter dois aumentos até final de 2023 - um ritmo de aperto mais rápido do que o esperado - trouxe pressão aos ativos no exterior e no

Morning Call - 16/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos estenderam a alta, no aguardo de decisões do Fed e do Copom. O dólar virou para a queda no período da tarde, com fluxo vendedor e também na esteira da expectativa de alt