Buscar
  • Mateus Cosac

Morning Call - 15/12/2020

Ontem: A notícia de que um projeto protocolado no Senado propõe a extensão do auxílio emergencial e do estado de calamidade foi o que bastou para piorar o ânimo dos ativos brasileiros ao final da manhã, junto a um ajuste da temporada recente de apetite ao risco. O Ibovespa chegou a apagar as perdas de 2020 durante o pregão, mas não conseguiu levar o feito adiante durante a tarde. O dólar subiu, depois de ficar próximo a R$ 5,00 mais cedo e os juros futuros também avançaram, principalmente nos vértices longos, com a curva voltando a inclinar. Nos EUA, o Nasdaq subiu com as ações de tecnologia, mas S&P 500 e Dow Jones hesitaram. O otimismo com o início da vacinação cedeu lugar às preocupações com o pacote de estímulos fiscais e com possibilidade de novas restrições por causa dos contágios.


Hoje: Juros futuros podem reagir à ata do Copom, após comunicado da decisão do BC ter sido visto como hawkish (mais duro). Sinal de que o forward guidance pode estar com dias contados ajudou a desinclinar a curva de juros na última quinta-feira. Campos Neto ainda participa de videoconfência às 10:00. Leilão de NTN-B também pode influenciar as taxas se repetir os sucessos anteriores do Tesouro. IGP-10 tem estimativa de desaceleração acentuada em dezembro, embora mantendo nível ainda muito alto. Em meio ao ceticismo com reformas, receio fiscal volta à cena. Agenda externa traz dados da indústria nos EUA após produção e varejo cumprirem expectativa de aceleração na China. Bolsas e moedas emergentes ensaiam alta, mas cautela persiste com restrições geradas pelo coronavírus nos EUA e Europa.


Bom dia a todos.

Posts recentes

Ver tudo

Morning Call - 18/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos e médios dispararam e a curva perdeu a inclinação após o Copom adotar uma comunicação hawkish e deixar janela aberta para acelerar ritmo de alta da Selic, caso as expect

Morning Call - 17/06/2021

Ontem: A previsão de dirigentes do Fed de que os juros nos EUA podem ter dois aumentos até final de 2023 - um ritmo de aperto mais rápido do que o esperado - trouxe pressão aos ativos no exterior e no

Morning Call - 16/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos estenderam a alta, no aguardo de decisões do Fed e do Copom. O dólar virou para a queda no período da tarde, com fluxo vendedor e também na esteira da expectativa de alt