Buscar
  • Mateus Cosac

Morning Call - 10/08/2020

Sexta: A escalada da tensão EUA/China, após nova ação de Donald Trump contra empresas chinesas de tecnologia e sanção a autoridades do país asiático e aliados em Hong Kong, azedou o humor dos investidores no exterior. A isso se somou a falta de acordo sobre pacote de estímulos à economia americana. O reflexo foi direto no mercado brasileiro, onde também o risco fiscal doméstico chega ao preço dos ativos, com as incertezas sobre a questão da ajuda emergencial e da manutenção do teto de gastos. O dólar subiu lá fora e aqui, com o real entre os piores desempenhos em cesta de divisas emergentes. Moeda americana avançou 2% no dia e mais de 4% na semana frente ao real. Os juros futuros subiram, mais intensamente nos vértices médios e longos. E o Ibovespa caiu 1,3%, zerando os ganhos da semana. Ações dos bancos chegaram a subir após notícia do Estado de que Rodrigo Maia deve engavetar PL que limita juros do cheque especial e cartão de crédito durante a pandemia, mas não sustentaram os ganhos. LA FORA, apesar de o tao esperado payroll ter vindo acima das expectativas (foram criadas 1,76 milhões de vagas em julho ante expect de 1,48 milhões) as bolsas americanas nao conseguiram subir.


Hoje: Mercados têm desempenho misto, com viés de alta nas bolsas e petróleo e rumo de baixa para moedas emergentes e metais. China retalia e diz que sancionará americanos, mas ameaça tem pouco efeito nos negócios. Negociações sobre estímulos americanos, ainda sem acordo, são monitoradas, assim como dados de varejo nos EUA e China na semana. No Brasil, números de varejo também serão destaque nos próximos dias junto com o IBC-Br e ambos podem mostrar retomada mantida em junho. Amanhã, ata do Copom pode trazer detalhes sobre comunicado dovish. Nesta segunda, prévia do IGP-M deve continuar indicando pressão, enquanto Focus pode seguir revisando PIB. Cena política traz novo alento ao mercado com Maia dizendo que bloqueará proposta que burla teto de gastos, segundo o Estado, após notícia na sexta de que presidente da Câmara deve arquivar limite a juros dos bancos. Quero-Quero e d1000 estreiam na B3 e noticiário sobre candidatos a IPO inclui Havan. Oi faz contrato de exclusividade com Vivo, Tim e Claro. BRF realiza pré-pagamento e JBS abre 5.200 vagas.


Bom dia e boa semana a todos.

Posts recentes

Ver tudo

Morning Call - 18/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos e médios dispararam e a curva perdeu a inclinação após o Copom adotar uma comunicação hawkish e deixar janela aberta para acelerar ritmo de alta da Selic, caso as expect

Morning Call - 17/06/2021

Ontem: A previsão de dirigentes do Fed de que os juros nos EUA podem ter dois aumentos até final de 2023 - um ritmo de aperto mais rápido do que o esperado - trouxe pressão aos ativos no exterior e no

Morning Call - 16/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos estenderam a alta, no aguardo de decisões do Fed e do Copom. O dólar virou para a queda no período da tarde, com fluxo vendedor e também na esteira da expectativa de alt