Buscar
  • Mateus Cosac

Morning Call - 04/06/2021

Quarta: Ativos brasileiros tiveram mais um dia de rali, mesmo na véspera de um feriado e após dado fraco de produção industrial, embalados por perspectiva de crescimento do país, melhora no quadro fiscal, emissões no exterior e, ainda, manutenção do rating BB- pela S&P e primeiros passos para a reforma administrativa. O dólar derreteu para nível abaixo de R$ 5,08 e puxou juros futuros à queda. Movimentos fortes no mercado nos últimos dias mostraram que investidores estrangeiros e locais reduziram hedge feito no câmbio com a percepção de menor risco. Ibovespa prolongou a sequência de fechamentos em níveis recordes para 4º dia, acima dos 129.400 pontos, e com sinais de compras por estrangeiros. Petrobras e outras empresas fazem captação com janela favorável para país. Ao final da tarde, Arthur Lira anunciou a criação da comissão especial da reforma administrativa.


Hoje: Mercados mantêm um pé atrás antes do relatório de emprego nos EUA, que sai às 9:30 e pode ser decisivo para a continuidade do rali dos ativos brasileiros. Um payroll muito acima da mediana, de 674.000, pode dar novo fôlego ao dólar, que já subiu no exterior ontem com o ADP e ISM serviços fortes nos EUA nesta quinta, feriado no Brasil. Por outro lado, dados amenos que levem o Fed a manter estímulos tendem a prolongar a euforia doméstica. Mesmo após os fortes ganhos recentes, o real ainda fica bem atrás de pares como peso mexicano e rand em doze meses. Moeda brasileira pode ser beneficiada pela redução do hedge diante da menor incerteza fiscal e pelas emissões externas de empresas. Entre os fatores locais, a expectativa de avanço na reforma administrativa e preservação do rating pela S&P podem ajudar a manter o ambiente positivo, enquanto o aumento da CSLL dos bancos faz contraponto. Em live, Bolsonaro fala em aumentar Bolsa Família em ao menos 50% e em redução do combustível após baixa do dólar. Efeito da seca na energia e IPOs como o da Raízen completam noticiário econômico. Agenda hoje ainda traz falas de Powell e Lagarde no exterior e PMI serviços no Brasil.


Bom dia e bom final de semana a todos.

Posts recentes

Ver tudo

Morning Call - 18/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos e médios dispararam e a curva perdeu a inclinação após o Copom adotar uma comunicação hawkish e deixar janela aberta para acelerar ritmo de alta da Selic, caso as expect

Morning Call - 17/06/2021

Ontem: A previsão de dirigentes do Fed de que os juros nos EUA podem ter dois aumentos até final de 2023 - um ritmo de aperto mais rápido do que o esperado - trouxe pressão aos ativos no exterior e no

Morning Call - 16/06/2021

Ontem: Os juros futuros curtos estenderam a alta, no aguardo de decisões do Fed e do Copom. O dólar virou para a queda no período da tarde, com fluxo vendedor e também na esteira da expectativa de alt